Escolha uma Página
110 Países que não exigem visto de brasileiros

110 Países que não exigem visto de brasileiros

110 Países que não exigem visto de brasileiros

Organizar uma viagem ao exterior nem sempre é tarefa simples. O primeiro ponto ao organizar a viagem é observar se o país a ser visitado exige visto de entrada a brasileiros.

Se a resposta for positiva, o turista tem que se preparar para o processo de pedido de visto, geralmente feito nos consulados daquele país no Brasil. Além de reunir uma série de documentos e o passaporte, prepare-se para ter uma despesa extra.

Mas se você não quer ter todo esse trabalho, pode optar por um desses 110 países que não exigem visto de brasileiros. Geralmente, é só chegar e obter a liberação no próprio aeroporto, no guichê de imigração, após uma entrevista feita pelos agentes. Alguns exemplos: Argentina, México, Grécia, Tailândia, França, Hong Kong, Namíbia.

Eu já estive em Punta Cana, na República Dominicana, e nem precisei passar por agentes de imigração. Já entrei direto, sem apresentar nenhum documento. Para viajar a Buenos Aires, por exemplo, você nem precisa de passaporte, basta viajar com o documento de identidade válido, e pronto.

VEJA MAIS: PASSO A PASSO PARA TIRAR O VISTO AMERICANO

Mas antes de você comprar as passagens e fazer as malas, é bom ter em mente que alguns países não precisam de visto, mas têm outras exigências, como vacinas específicas e seguros de viagem. É bom pesquisar antes para não ser barrado na imigração.

Veja agora a lista com os países que não requerem visto aos brasileiros.

 

Lista de países que não exigem visto de brasileiros

África do Sul

Albânia

Alemanha

Andorra

Angola

Anguilla

Antígua e Barbuda

Antilhas Francesas

Antilhas Holandesas

Argentina*

Aruba

Áustria

Bahamas

Barbados

Bélgica

Belize

Bermuda

Bolívia*

Bósnia Herzegovina

Botsuana

Bulgária

Chile*

Chipre

Cingapura

Colômbia*

Coreia do Sul

Costa Rica

Croácia

Dinamarca

Dominica

El Salvador

Equador*

Eslováquia

Eslovênia

Espanha

Estônia

Fiji

Filipinas

Finlândia

França

Gâmbia

Geórgia

Gibraltar

Grécia

Guatemala

Guiana

Haiti

Holanda

Hong Kong

Hungria

Ilha de Malta/Malta

Ilha Santa Lúcia

Ilhas Cayman

Ilhas Cooks

Ilhas Falklands

Ilhas Salomão

Ilhas Turcas e Caico

Inglaterra – Grã-Bretanha

Irlanda

Irlanda do Norte

Islândia

Israel

Itália

Jamaica

Leeward Islands/ Ilhas Virgens Britânicas

Letônia

Liechtenstein

Lituânia

Luxemburgo

Macau

Macedônia

Malásia

Marrocos

México

Micronésia

Mônaco

Montenegro

Montserrat

Namíbia

Nicarágua

NIUE

Noruega

Nova Caledônia

Nova Zelândia

Panamá

Paraguai*

Peru*

Polinésia Francesa

Polônia

Portugal

República Dominicana

República Tcheca

Romênia

Rússia

Saint Martin

San Marino

São Cristóvão e Névis

São Vicente e Granadinas

Sérvia

Suazilândia

Suécia

Suíça

Suriname

Tailândia

Trindade e Tobago

Tunísia

Turquia

Ucrânia

Uruguai*

Venezuela*

 

* Ingresso permitido apenas com a carteira de identidade.

 

MAIS SOBRE ORGANIZAÇÃO DE VIAGEM:

Dicas para viajar com bebês e crianças
Seguro viagem internacional: quando fazer?
10 Destinos para viajar na baixa temporada

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.

Booking.com
Tour virtual: 5 lugares no Brasil para ver sem sair de casa

Tour virtual: 5 lugares no Brasil para ver sem sair de casa

Tour virtual: 5 lugares no Brasil para ver sem sair de casa

Já que não podemos ainda viajar como gostaríamos por conta da pandemia causada pelo coronavírus, as visitas virtuais tem feito a alegria dos turistas.

Veja alguns lugares bem legais pelo Brasil que selecionei para você conhecer sem sair de casa!

 

 

1- Theatro Municipal do Rio de Janeiro

Como as visitas presenciais ainda estão suspensas, o Theatro Municipal do Rio de Janeiro lançou um tour virtual às suas dependências. Um dos mais imponentes e belos prédios da cidade, foi inaugurado em 14 de julho de 1909 e ainda é considerado a principal casa de espetáculos do Brasil e uma das mais importantes da América do Sul.  

 

VEJA MAIS: O QUE FAZER NO RIO DE JANEIRO

 

2- Jardim Botânico de São Paulo

O Jardim Botânico de São Paulo é um passeio sensacional para fazer em família. Como está fechado, agora a gente só consegue mesmo fazer o tour virtual. No local, o visitante encontra bosques e trilhas com árvores nativas do Brasil e de outros lugares do mundo. Entre as principais espécies estão palmeiras, árvores frutíferas e de madeiras nobres.

Acesse o tour virtual aqui.

 

3- Pontos turísticos de Maceió

maceio

Maceió e suas praias de azul-turquesa (Foto: Divulgação)

O projeto Maceió 360° ajuda a matar um pouco a saudade desse lugar lindo, em um passeio virtual por alguns dos principais pontos turísticos da capital alagoana.

Visite praias, equipamentos culturais, mirantes, piscinas naturais, prédios históricos e muito mais, seja por meio da realidade virtual ou de imagens em 360º no Google Street View.

 

Acesse o Google Street View aqui.

 

4- Museu Oscar Niemeyer em Curitiba

museu-curitiba

O Museu Oscar Niemeyer, em formato de olho, é o principal do Paraná (Foto: Cassio Abreu)

As obras do maior arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer são realmente impressionantes. O museu, inaugurado em 22 de novembro de 2002, em Curitiba (PR), abriga importantes obras da produção artística nacional e internacional, com aproximadamente 7 mil trabalhos nas áreas de artes visuais, arquitetura e design. É considerado o maior museu de arte da América Latina.

Acesse o tour virtual aqui.

 

5- Inhotim em Brumadinho (MG)

instituto-inhotim

Instituto Inhotim mistura arte e natureza, com um jardim botânico incrível (Foto: Divulgação)

O Instituto Inhotim, localizado em Brumadinho, a 60 quilômetros de Belo Horizonte, é o paraíso de quem ama arte cercado por natureza. Com uma área de 140 hectares de visitação composta por floresta e jardim botânico, o Inhotim possui uma coleção de arte internacionalmente reconhecida.

Acesse o tour virtual aqui.

 

MAIS SOBRE O BRASIL:

Conheça Manaus
Conheça Belém
Conheça Gramado

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.


Booking.com
Como os hotéis se preparam para reabertura pós-pandemia

Como os hotéis se preparam para reabertura pós-pandemia

Como os hotéis se preparam para reabertura pós-pandemia

Depois de meses fechados por conta da pandemia do coronavírus, hotéis pelo Brasil e pelo mundo se preparam para a reabertura em um novo cenário.

O desafio agora é transmitir segurança aos hóspedes e convencê-los que é possível viajar tranquilo se forem tomados os devidos cuidados. Realmente, é uma situação um tanto complicada, mas boa parte dos hotéis está investindo em novos protocolos de higiene e limpeza, bem como treinamento das equipes e instruções redobradas aos visitantes para não fechar as portas.

O setor de turismo foi um dos que mais sofreram com a pandemia. Um estudo da Organização Mundial do Turismo (OMT) apontou que o segmento terá uma redução de 60% a 80% no número de turistas internacionais em 2020, em decorrência da pandemia de COVID-19.

O Ministério do Turismo brasileiro aposta na retomada com uma campanha que será lançada para estimular as viagens domésticas. Para isso, também criou um selo “Turista Protegido”, primeira etapa de um programa que criará protocolos de segurança sanitária e de boas práticas para cada um dos segmentos do setor.

 

Como os hotéis vão reabrir?

hotel dylan_nova york

Hotéis adotam desde novos protocolos de limpeza a estações de higienização (Foto: Divulgação)

 

A grande dúvida que fica para os viajantes é a de como os hotéis vão garantir a higiene para o retorno seguro dos hóspedes.

Para acabar com essa desconfiança, muitos estão anunciando novas regras de limpeza e também oferecendo descontos atrativos e possibilidade de remarcação sem multa. 

Veja algumas das medidas que os hotéis estão adotando no Brasil e no mundo:

  • Atualização de novos protocolos de limpeza e higiene
  • Limpeza profunda adicional de superfícies de alto contato, como maçanetas e móveis
  • Adoção de sinalização do tipo “limpo pela última vez”
  • Uso de máscaras obrigatório para colaboradores e hóspedes
  • Dispositivos de álcool gel disponíveis em todas as áreas comuns e apartamentos
  • Disponibilidade de kits de limpeza individual como amenidade para hóspedes
  • Treinamento e certificação de colaboradores
  • Contato reduzido no check-in ou check-in online
  • Chaves de quartos higienizadas
  • Check out sem papel
  • Redução de móveis/itens de alto contato nos quartos
  • Novos padrões e abordagem de serviço para buffets e serviço de quarto
  • Café da manhã a la carte, com reserva de horário para evitar aglomerações
  • Piscinas e spas com restrição de entrada e tempo de permanência
  • Sauna, academia e outras áreas comuns com agendamento de horário, sendo uma vez por família, com intervalos para higienização

 

Exemplos de boas práticas nos hotéis

hoteis Guarda Golf

Hotel Guarda Golf, na Suíça, apostou no treinamento de funcionários e desconto de tarifas (Foto: Divulgação)

 

Na Europa, onde o surto mais forte já passou, muitos hotéis apostam na retomada aproveitando a temporada de verão.

Um deles é o luxuoso Guarda Golf Hotel Residences, localizado nos Alpes Suíços, que está com tudo pronto para reabertura em 21 de junho. Pensando na saúde e bem-estar dos hóspedes e colaboradores, o empreendimento estabeleceu uma série de normas de higiene e limpeza, bem como treinou a equipe para respeitar o distanciamento social, além de oferecer um atrativo desconto de 30% nas tarifas.

O grupo IHG (InterContinental Hotels Group), que inclui hotéis da rede Holiday Inn, Regent Hotels, entre outros, anunciou que vai reforçar a limpeza dos hotéis com desinfetantes hospitalares, além de novos procedimentos, como instalação de estações de higienização, redução de móveis de alto contato no quarto e verificação visível de itens higienizados, como controle remoto e objetos de vidro.

No Brasil, a rede Blue Tree Towers, por exemplo, vai retomar as atividades no próximo dia 8 de junho em Porto Alegre, seguindo um rigoroso protocolo de segurança e regras do decreto de distanciamento controlado em função da pandemia da covid-19 assinado pelo Governo do Rio Grande do Sul.

Além de reforçar a higienização, incluindo o uso de máscaras e luvas, haverá distanciamento no check-in com marcação no piso, álcool gel em pontos de interação, controle de fluxo em elevadores e fechamento de áreas de lazer e eventos coletivos.

Outra novidade é a medição de temperatura na entrada, tapetes sanitizantes, bag shoes, QR Code em pontos estratégicos com automatização de informações para os visitantes, cardápio virtual enviado por e-mail, sprays de álcool para purificação de bagagem com panos descartáveis, protetor para os pés e entrega de pedido de room service no apartamento com embalagem descartável.

hotel fazenda mazzaropi

Hotel Fazenda Mazzaropi, no interior de SP, terá 72 horas de intervalo entre as ocupações (Foto: Divulgação)

 

O Hotel Fazenda Mazzaropi, localizado em Taubaté, interior de São Paulo, também programa reabertura em 5 de junho, porém com no máximo 30% da capacidade. Além disso, haverá 72 horas de intervalo entre as ocupações e higienização feita com ozônio.

O restaurante também trocou o sistema de bufê pelo a la carte e as refeições acontecerão em três turnos para evitar aglomerações. Os pratos chegarão diretamente às mesas, que serão dispostas com dois metros de distância umas das outras.

hoteis-fazenda-dona-carolina

Hotéis como o Fazenda Dona Carolina se preparam para reabrir com novos protocolos de limpeza (Foto: Divulgação)

O mesmo esquema de mesas afastadas e refeições a la carte está sendo feito no Hotel Fazenda Dona Carolina, na cidade de Itatiba, São Paulo, que será reaberto em 01 de julho. Atendendo a novas medidas de higiene e segurança, serão ofertados somente 50 acomodações e o check-in será individualizado. Ao chegar, o hóspede receberá um kit de higiene com máscara, lenço, luvas descartáveis e álcool gel.

E você? Já se sente seguro para voltar a viajar e se hospedar? Conta aqui nos comentários!

 

MAIS SOBRE HOTÉIS E VIAGENS:

Hotéis-fazenda para ir com crianças
O destino ideal para cada época do ano
Dicas de viagem de avião com bebês e crianças

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.


Booking.com
Como as empresas aéreas estão atuando na pandemia

Como as empresas aéreas estão atuando na pandemia

Como as empresas aéreas estão atuando na pandemia

As companhias aéreas estão tendo que repensar as operações dos voos diante da pandemia mundial causada pelo novo coronavírus.

Para manter o negócio ativo e garantir a saúde e a segurança dos passageiros e tripulação nos voos, muitas empresas aéreas estão tomando medidas interessantes.

A Delta, por exemplo, está bloqueando os assentos do meio, que aparecem como indisponíveis no check-in online, além de interromper os upgrades automáticos. Agora, eles serão processados no portão de embarque, ainda em ordem de prioridade, para permitir que os agentes determinem a melhor maneira de acomodar os clientes, levando em conta a distância social e restrições de peso e equilíbrio da aeronave.

Na Latam, a entrega dos itens de descanso será feita apenas quando o passageiro solicitar, para diminuir os pontos de contato com a tripulação. Também não incluem mais itens nos bolsões à frente de cada assento.

Veja outras medidas implantadas pelas companhias aéreas durante a pandemia.

 

Medidas das companhias aéreas durante a pandemia

 

Além de aprimorar a limpeza em aeronaves e aeroportos de maneira permanente e disponibilizar álcool gel nos aviões, veja algumas medidas gerais adotadas pelas companhias aéreas para praticar o distanciamento social nos voos.

companhias-aereas

Companhias aéreas obrigam o uso de máscara nos voos, tanto para tripulação como para passageiros (Foto: Latam)

 

1- Uso de máscara obrigatório

Algumas companhias aéreas já tornaram obrigatório o uso de máscara de proteção em todos os voos. Cada passageiro deve levar sua própria máscara, que pode ser cirúrgica, N95 ou de tecido, desde que cubra a boca e o nariz por completo.

Na Azul, os tripulantes também têm a temperatura aferida antes de embarcar.

 

2- Simplificar o serviço de bordo

Muitas companhias aéreas decidiram simplificar o serviço de alimentos e bebidas a bordo para diminuir os pontos de contato entre clientes e tripulação. 

 

3- Embarque limitado

O procedimento de embarque e desembarque dos clientes também foi ajustado. Para entrar no avião, os passageiros seguem em grupos de cerca de 10 pessoas por vez, lembrando-os de adicionar espaço extra à medida que embarcam e ajudando-os a encontrar um novo assento em sua cabine, se necessário e conforme o espaço disponível.

A Gol, por exemplo, tem incentivado os clientes a fazer o check-in nos canais digitais para evitar aglomerações no aeroporto.

 

4- Distanciamento entre poltronas

Assim como a Delta, muitas companhias aéreas estão bloqueando assentos e reorganizando os lugares disponíveis para manter o distanciamento entre os passageiros.

 

5- Sistema de ventilação aprimorado

As companhias aéreas informam que o sistema de recirculação de ar adotado renova o ar no avião a cada 3 minutos graças a filtros HEPA (HIgh Efficiency Particulate Air), que removem 99,97% das partículas.

 

6- Possibilidade de remarcação sem multa

Quem teve voos cancelados ou não precisa viajar agora e já tinha passagem comprada, tem a possibilidade de remarcação sem multa. Há empresas que permitem reagendar a data de embarque para até dois anos a frente.

 

Seguimos por aqui informando pra você as novidades e medidas de segurança neste tempo de pandemia. Esperamos que, em breve, tudo se normalize para que possamos retomar nossas tão sonhadas viagens! Até mais!

 

MAIS SOBRE VIAGENS DE AVIÃO:

6 Dicas para viagem de avião com bebês e crianças
Coronavírus: preciso cancelar minha viagem?
Viagem de avião com pets: como proceder

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.


Booking.com
Coronavírus: precisa cancelar ou remarcar viagem? Veja dicas

Coronavírus: precisa cancelar ou remarcar viagem? Veja dicas

Coronavírus: precisa cancelar ou remarcar viagem? Veja dicas

Muita gente vem me perguntando o que fazer em tempos de coronavírus: cancelar ou remarcar a viagem?

Esta não é uma pergunta fácil de responder. As autoridades de saúde ainda não sabem ao certo até quando o distanciamento social vai ser necessário. Por isso, fica tão difícil decidir entre o cancelamento ou o reagendamento da viagem: neste último caso, para quando devo remarcar?

Alguns especialistas já falam em segundo semestre, mas eu, pessoalmente, acho mais seguro remarcar para 2021, se possível. Acredito que essa é uma solução menos ruim para todas as partes: para o turista que vai viajar em algum momento, mesmo que demore; e para o setor de turismo, que não será ainda mais prejudicado neste momento difícil.

Eu mesma estou tentando remarcar uma viagem ao Rio que faria no final deste mês, mas o Viajanet, site onde comprei a viagem, diz que está priorizando o atendimento aos clientes com embarque marcado em até cinco dias. Vou aguardar até lá então, e espero não ter nenhum imprevisto.

Se você tiver qualquer problema para cancelar ou remarcar a viagem ou, ainda, se a companhia aérea ou o hotel cobrarem alguma multa para remarcação, você pode acionar o Procon da sua cidade. 

 

Em quanto tempo vou ser reembolsado?

aeroporto-guarulhos

Empresas de turismo e companhias aéreas terão que reembolsar clientes que cancelarem viagem durante a pandemia (Foto: Passaporte Digital)

Normalmente, o consumidor tem direito a ressarcimento total da viagem apenas quando o cancelamento é feito pelo prestador de serviço, conforme está na Resolução 400 da Anac, para a aviação.

No entanto, diante de uma situação mundial atípica de saúde como esta, o Ministério do Turismo está atuando com a Medida Provisória 925/2020, que permitirá que as empresas do setor reembolsem os clientes ou prestem os serviços contratados em até 12 meses após o fim da pandemia do novo coronavírus, sem cobrança de multa.

A medida visa beneficiar empresas de hospedagem, agências de turismo, parques temáticos, organizadoras de eventos, transportadoras de turismo, além de empresas de shows e eventos culturais. Veja o texto da MP aqui.

A maioria das companhias aéreas, hotéis e sites de pacotes de viagem já está adotando uma política de cancelamento e reagendamento flexível, sem custo adicional. Porém, caso tenha algum problema mais sério, vale acionar o Procon da sua cidade.

Fiz aqui um resumo das políticas adotadas pelas principais companhias aéreas, sites e empresas de turismo. Confira.

 

Aviação

A Latam informa que os passageiros podem remarcar os bilhetes até 31 de dezembro ou pedir reembolso sem custo. Eles fizeram um vídeo explicando como fazer o processo no site. Veja abaixo.

 

Na Gol, passagens nacionais e internacionais de voos com embarque até 30 de setembro de 2020 podem ser remarcadas ou canceladas sem custo,  independentemente da data de compra. Mais detalhes nesta página aqui.

A Azul informou até agora no site que os voos nacionais e internacionais de abril pode ser alterados uma única vez sem cobrança de taxa de alteração, para voar até um ano da data da emissão. Se o cliente quiser cancelar, pode deixar o valor como crédito para compras futuras em até um ano ou solicitar o reembolso, mediante a aplicação de eventuais taxas contratuais, e o valor residual será reembolsado em até 12 meses, a contar da data da solicitação.

A Delta estendeu a possibilidade de remarcar viagens impactadas pelo coronavírus por até dois anos. A medida, porém, não vale para novos bilhetes comprados entre 1º de março e 31 de maio de 2020.

 

Sites de viagem e hospedagem

O Airbnb permite que qualquer reserva feita pela plataforma até o dia 14 de março possa ser cancelada sem custos, com devolução integral do valor. Veja mais detalhes aqui.

No Booking, um aviso no site informa que o viajante deve entrar em contato com a acomodação da reserva ou na Central de Ajuda para receber orientação.

remarcar-viagem

Aviso para remarcação de viagem no site da Booking (Reprodução feita no dia 07 de abril de 2020)

A Decolar também não deixa claro no site as políticas de cancelamento (veja aqui), mas recomenda que o viajante altere a reserva na sessão Minhas Vaigens e confira as opções de cancelamento.

💁 Dica da Alê: Tenha paciência ao realizar esses cancelamentos, pois as operações de sites e companhias aéreas estão bem lentos, devido à alta demanda. Outra dica é analisar bem as linhas miúdas antes de remarcar a viagem, caso decida assim, para não ser pego de surpresa depois.

MAIS SOBRE VIAGEM:

6 Dicas para viajar com bebês no avião
Quando fazer o seguro viagem internacional
Onde ir em cada mês do ano

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.


Booking.com
Aluguel de carros em Porto Seguro: vale a pena?

Aluguel de carros em Porto Seguro: vale a pena?

Aluguel de carros em Porto Seguro: vale a pena?

Será que vale a pena fazer o aluguel de carro em Porto Seguro?

No começo, assim que comprei a viagem, pensei que não era necessário. Mas depois, quando fiz a pesquisa do roteiro, dos lugares bacanas que têm ao redor, vi que valeria a pena sim fazer o aluguel de carro em Porto Seguro.

E confesso que isso fez toda a diferença na minha viagem, ainda mais porque eu estava com duas crianças. E tudo fica muito mais prático, não é mesmo?

É claro que Porto Seguro tem muitas praias legais, que ficam perto da maioria dos hotéis. Mas vamos combinar que as melhores praias ficam, de fato, em Arraial D´Ajuda, Trancoso e Caraíva, que são acessíveis de carro (dá entre uma e duas horas a partir de Porto Seguro).

praia-da-pitinga-como-chegar

Estacionamento da Praia da Pitinga fica quase na areia (Foto: Passaporte Digital)

 

Santa Cruz Cabrália, ali coladinho em Porto Seguro, também é uma excelente opção de praias. Eu amei a Praia da Coroa Vermelha. E quando você está de carro, tudo fica bem mais fácil.

Enfim, vale a pena fazer o aluguel de carro para poder explorar tudo em Porto Seguro e arredores com mais conforto e autonomia. Se couber no orçamento, recomendo!

LEIA MAIS SOBRE A PRAIA DA PITINGA AQUI

 

Como se locomover de carro em Porto Seguro e arredores

aluguel-de-carros-porto-seguro

Percurso para atravessar a balsa de carro para Arraial D´Ajuda costuma ter filas longas (Foto: Passaporte Digital)

 

Para se locomover por Porto Seguro e arredores há basicamente quatro alternativas: carro alugado, uber/táxi, transfer de empresas de turismo e transporte público. O que vale mais a pena? Isso depende do estilo de cada viajante e do bolso, claro!

Não existe certo ou errado, mas sim o ideal para cada um. Como no meu caso eu estava com crianças e queria mais comodidade, optei pelo aluguel de carro em Porto Seguro. Por isso, não conheci a fundo as demais alternativas de locomoção e vou concentrar minhas dicas na locação de veículo, ok?

No geral, Porto Seguro e arredores têm boas estradas de asfalto e bem sinalizadas, facilitando quem quer fazer o roteiro de carro. O trânsito é bom, porém fica mais lento na avenida Beira-Mar.

Se for de carro para os vilarejos de Trancoso, Arraial D’Ajuda e Santo André, considere no roteiro o tempo de percurso de ida e volta. Apesar de serem próximos, os locais demandam tempo de deslocamento considerável, pois é comum ter que pegar balsas e estradas de terra.

 

É fácil estacionar em Porto Seguro?

aluguel carro porto seguro

Barraca dos Corais, na Praia da Coroa Vermelha, tem estacionamento gratuito para clientes (Foto: Passaporte Digital)

Em Porto Seguro, achei bem fácil a questão de estacionamento nas praias. Nas mais movimentadas, há vagas na própria orla ou nas entradas das barracas, com vagas exclusivas para os clientes. 

Estivemos duas vezes na Praia da Coroa Vermelha, em Santa Cruz Cabrália, e estacionamos o carro nas vagas de cliente de graça na barraca de praia. Quem preferir, tem vagas disponíveis na rua também. Bem fácil.

Se for ao Centro Histórico de Porto Seguro, também há vagas grátis para estacionar, mas guardadores sempre “pedem” aquela caixinha.

Já na Passarela do Álcool, foi implantado há pouco tempo o sistema de parquímetro. Compramos o tíquete de duas horas de permanência (R$8,00) com atendentes na rua. 

 

Custo do aluguel de carro em Porto Seguro

Bom, quando a gente fala de aluguel de carro, em Porto Seguro ou qualquer outro lugar, logo vem à cabeça os custos.

Nessa viagem a Porto Seguro, fizemos a locação do carro com um mês de antecedência. Optamos pela Unidas, que tinha o menor valor para sete diárias. Pagamos em janeiro de 2020 o total de R$ 620,00.

💁 Dica da Alê: Ao fazer o aluguel do carro, verifique com sua operadora de cartão ou banco se você tem algum benefício com relação aos seguros. No nosso caso, o nosso cartão já segurava contra roubo e colisões. Por isso, não precisamos contratar esses seguros, o que deixou nosso aluguel de carro mais econômico.

Especificamente quanto ao aluguel de carro em Porto Seguro posso dizer que valeu muito a pena em termos financeiros, pois se fosse pegar táxi ou mesmo Uber em todos os lugares que visitamos nos sete dias que estivemos no destino, ou mesmo tivéssemos contratando os passeios com empresas de turismo locais, teríamos investido bem mais dinheiro.

 

Onde pegar e devolver o carro locado

aluguel-de-carro-porto-seguro

Na saída do desembarque do aeroporto estão os guichês para aluguel dos carros (Foto: Passaporte Digital)

 

Ao sair do portão desembarque, já tem os guichês das locadoras de carro. É só chegar e mostrar a reserva. Eles te levam com um van para o local de retirada, bem perto do aeroporto. 

Para devolver o veículo, é só ir no mesmo local de retirada e fazer o trâmite. É bem rápido.

💁 Dica da Alê: Escolha um carro com ar-condicionado. O calor é muito forte na Bahia, e alugar um carro sem ar certamente vai ser uma economia “burra”.

 

Cuidados no aluguel de carro em Porto Seguro

Além dos cuidados básicos que se tem quando está com qualquer veículo, em Porto Seguro recomendo ter atenção com a questão da limpeza do veículo.

Isso porque na hora de devolver o carro, se tiver excesso de areia e sujeira, as locadoras costumam cobrar uma taxa extra de higienização.

Outro ponto a ficar esperto é na hora da inspeção para pegar o veículo. Observe se não há riscos e amassados para identificar ao assinar a locação e evitar surpresas desagradáveis no retorno.

VEJA MAIS DICAS PARA ALUGUEL DE CARRO AQUI

 

Travessia da balsa com carro alugado

balsa-porto-seguro-arraial-dajuda

De carro, a partir de Porto Seguro, tem que enfrentar a fila da balsa para chegar a Arraial D´Ajuda (Foto: Passaporte Digital)

Se estiver em Porto Seguro e for atravessar a balsa para Arraial D´Ajuda, Trancoso e Caraíva de carro, saiba que vai ter um custo um pouco elevado para colocar no seu orçamento.

O aluguel de carro em Porto Seguro é bem vantajoso, mas neste ponto acaba encarecendo um pouco, fora o tempo de espera da fila de veículos que costuma ser bem longo.

As balsas funcionam diariamente, a partir das 6h até às 22h em um ritmo mais intenso. No dia em que fomos conhecer a Praia de Pitinga, uma segunda-feira, nosso tempo de espera foi de uma hora e meia. 

💰 Valor da balsa para Arraial: R$ 19,10 por carro (e motorista) e + R$ 5,15 por pessoa. No retorno, paga-se novamente o automóvel, mas não paga o valor por pessoa.

⏰ Horário de funcionamento da balsa: diariamente, das 6h às 22h. E de hora em hora na madrugada.

 

MAIS SOBRE PORTO SEGURO:

Conheça a Praia da Pitinga, em Arraial DAjuda
Um dia no parque aquático de Porto Seguro
Onde ficar em Porto Seguro

Espero ter ajudado você com este artigo aqui do blog! Aproveite para curtir nosso InstagramFacebook e YouTube e acompanhe nossas dicas de viagem. Até a próxima!

 


Alessandra Oggioni

Alessandra Oggioni

Jornalista, mãe e apaixonada por viagens. Seu passatempo preferido é desenhar roteiros e dar pitacos na viagem dos amigos. Depois de passar por mais de 12 países e mais de 30 cidades pelo mundo, criou o blog Passaporte Digital, para reunir dicas de viagem para os melhores destinos no Brasil e no exterior.


Booking.com