Torre de Belém: visita, preço e tour pelos arredores

por | 24/08/2022 | Destaques, Pelo Mundo

Entre os pontos turísticos de Lisboa, certamente a Torre de Belém é um dos mais famosos e imperdíveis! Tem que ter no roteiro!

Localizada no bairro de Belém, às margens do rio Tejo, a construção tem de mais de 500 anos e foi feita para proteger Lisboa de ataques inimigos, especialmente de possíveis invasões ao Mosteiro dos Jerónimos, que fica ali bem pertinho.

A gente foi conhecer a Torre de Belém e descobrimos que é possível visitá-la inclusive por dentro (o lugar tem uma história incrível).

Também fiz um roteiro bem legal para aproveitar o dia e conhecer as atrações do bairro de Belém que ficam ali bem pertinho desse monumento histórico.

Confira a seguir como foi nossa visita a Torre de Belém.

 

 

O QUE VER NA TORRE DE BELÉM?

Por fora, a Torre de Belém já é magnífica! Não é a toa que é um dos símbolos mais marcantes de Portugal e considerada Patrimônio Mundial pela Unesco.

Com 35 metros de altura, a Torre de Belém fica às margens do rio Tejo, cercada de um gramado lindo, onde artistas de rua se apresentam para os visitantes. Foi emocionante chegar até lá e ouvir um violinista tocando!

torre-de-belem

Cercada de verde, a Torre de Belém é um dos cartões-postais de Lisboa (Foto: Passaporte Digital)

 

Para quem tem tempo no roteiro, vale a pena visitar a Torre de Belém por dentro para conhecer mais profundamente a história desse monumento tão importante na história de Portugal.

Claro que nós fizemos o tour pelo interior da Torre de Belém. A entrada por uma ponte suspensa já é demais!

torre-de-belem

A ponte na entrada da Torre de Belém: paga-se para visitá-la por dentro (Foto: Passaporte Digital)

 

São quatro andares para conhecer, além do subsolo. O acesso aos pavimentos superiores é feito por uma escada estreita em espiral. No primeiro andar, se encontra o quarto do capitão. Depois, você ainda pode ver o espaço onde seria a capela, a sala do governador, a sala das audiências e um terraço com vista linda para o Rio Tejo!

Uma das coisas mais interessantes que vi são as passagens estreitas que, possivelmente, eram esconderijos de atiradores. Achei bem legal para quem gosta de história.

torre-de-belem

No terraço da torre se tem uma vista linda para o rio Tejo (Foto: Passaporte Digital)

 

A visita dura por volta de uma hora, pois você tem que esperar um grupo descer para conseguir subir, devido às escadas estreitas aos andares superiores.

Para conhecer somente a parte externa da Torre de Belém é gratuito.

 

TORRE DE BELÉM: O QUE COMBINAR NO SEU ROTEIRO?

O bairro de Belém tem muitas atrações. Como ele é mais afastado do centro, sugiro você já combinar vários pontos turísticos legais no entorno no mesmo dia, para aproveitar seu tempo e dinheiro.

Minha sugestão de roteiro no bairro de Belém:

  • Torre de Belém
  • Padrão dos Descobrimentos
  • Mosteiro dos Jerónimos
  • Pastéis de Belém

VEJA ROTEIRO COMPLETO DE 3 DIAS EM LISBOA, BEM PRÁTICO E COM PREÇOS. PARA LER, CLIQUE AQUI.

 

Roteiro pelo bairro de Belém – parada 1: Torre de Belém

Fomos de transporte público (ônibus 15E) até a parada Torre de Belém, caminhamos por cinco minutos e já chegamos. Compramos o bilhete para visita ao interior no próprio local.

 

Roteiro pelo bairro de Belém – parada 2: Padrão dos Descobrimentos

TORRE-DE-BELEM

O Padrão dos Descobrimentos fica bem próximo a Torre de Belém (Foto: Passaporte Digital)

Saindo de lá, fomos caminhando (cerca de 1 quilômetro e meio) até o Padrão dos Descobrimentos, uma obra de 56 metros de altura, em formato de caravela, feita em homenagem a grandes nomes da história de Portugal.

De 1940, o monumento tem exposição e um mirante que pode ser visitado (6 €).

lisboa portugal

O Padrão dos Descobrimentos exalta o passado de glórias da navegação portuguesa (Foto: Passaporte Digital)

 

Na frente dele, há uma linda rosa dos ventos de 50 metros de diâmetro que mostra as grandes conquistas dos navegadores portugueses pelo mundo, inclusive o Brasil. Inaugurada em 1960, a obra foi um presente da África do Sul.

Roteiro pelo bairro de Belém – parada 3: Mosteiro dos Jerónimos

A partir do Padrão dos Descobrimentos, você passa a pé por uma passagem subterrânea embaixo da avenida e sai na cara do belíssimo e impressionante Mosteiro dos Jerónimos.

TORRE-DE-BELEM

O Mosteiro dos Jerónimos tem uma arquitetura riquíssima: vale a visita (Foto: Passaporte Digital)

 

Ele começou a ser construído em 1502 e demorou mais de 100 anos para ficar pronto. A entrada custa 10 €.

Dica da Alê: Reserve pelo menos duas horas para visitar o Mosteiro dos Jerónimos. Dica 2: compre ingresso pela internet, pois costuma ter muita fila e a bilheteria fica do outro lado da entrada de visita (tem que andar muito).

O lugar é enorme e vale muito a visita ao seu interior. Lá dentro, você vai ver diversas esculturas e monumentos importantes, como o túmulo do poeta Fernando Pessoa. Antes de ir embora, passe na catedral do Mosteiro (entrada gratuita). Além de linda, tem o túmulo do grande escritor português Luís de Camões.

 

Roteiro pelo bairro de Belém – parada 4: Pastéis de Belém

torre-de-belem

A tradicional confeitaria Pastéis de Belém, desde 1837 (Foto: Passaporte Digital)

A 200 metros do Mosteiro dos Jerónimos fica a tradicional confeitaria portuguesa Pastéis de Belém, que existe desde 1837.

Ela a única no mundo que comercializa os originais pastéis de Belém, um doce de nata que segue a receita criada pelos monges do próprio Mosteiro dos Jerónimos. Delicioso, você pode comer no local ou levar para viagem. Vale cada centavo!

 

HISTÓRIA DA TORRE DE BELÉM

A torre foi construída entre os anos de 1514 e 1519 pelo arquiteto militar Francisco de Arruda. Com detalhes lindos, é decorada com ornamentos e esculturas típicas do estilo manuelino (em referência ao rei D. Manuel I).

Em 1580, quando Lisboa foi invadida por tropas espanholas na luta pelo trono português, a torre foi usada principalmente como uma prisão com celas subterrâneas eram frequentemente inundadas. Dá para conhecer essa parte na visita ao interior da torre.

torre-de-belem

A Torre de Belém já foi forte, prisão e alfândega (Foto: Passaporte Digital)

Ao longo do tempo, o local foi usado como forte, alfândega e até farol. Na década de 1840, a Torre de Belém foi restaurada pelo rei Fernando II de Portugal.

Em 1907, foi classificada como Monumento Nacional e, em 1983, foi considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco.

Construída entre 1514 e 1519, na parte de cima você tem uma vista privilegiada para o rio Tejo. Subindo os andares, você tem acesso aos pavimentos onde ficavam o quarto do capitão, a sala do governador, a sala de audiências e até uma capela.

 

QUANTO CUSTA PARA ENTRAR NA TORRE DE BELÉM?

torre-de-belem

A Torre de Belém vista por dentro, com o cenário do Rio Tejo ao fundo (Foto: Passaporte Digital)

💰 Visita ao interior da Torre de Belém: 6€
– Meia entrada para idosos a partir de 65 anos
– Grátis para crianças até 12 anos

💰 Visita externa: gratuita

 

COMO CHEGAR A TORRE DE BELÉM?

É bem fácil chegar à Torre de Belém de transporte público. Nós fomos de ônibus e foi muito tranquilo.

Como chegar: Elétrico 15E, ônibus 728, 201, 714, 727, 729 e 751.

Também há bastante oferta de táxi e aplicativo, caso prefira.

TORRE DE BELÉM – HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

⏰ Horário de funcionamento: diariamente, das 9h30 às 18h

Espero que você tenha gostado da minha dica de hoje. Acompanhe também nossas viagens pelas redes sociais e até a próxima!

Instagram | YouTube | Facebook | Pinterest

Mais dicas de Portugal

  • Roteiro 3 dias em Lisboa

  • Hotel bom e barato em Lisboa

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Alessandra Oggioni, Autora do Passaporte Digital

• Prazer, Alê •

Jornalista e mãe de 2, me sinto completa quando estou pelo mundo. Depois de 10 anos escrevendo para jornais e sites de turismo, trago aqui no blog aquele pitaco certeiro que vai fazer toda a diferença na sua viagem! Bora carimbar seu passaporte comigo? Me segue nas redes sociais para não perder nada!

• Vem Comigo •

• Procure no blog •

• Newsletter •

Deixe seu email e receba dicas de
viagem e promoções

• Meus Guias •

• Reserve no Blog •