Como ir para as piscinas naturais de Porto de Galinhas

por | 15/09/2021 | Destaques, Pelo Brasil

As piscinas naturais de Porto de Galinhas são, sem dúvida, um dos principais atrativos para quem vai a Ipojuca, em Pernambuco.

O passeio de jangada para chegar às piscinas naturais que mais se parecem um aquário com tantos peixes em um mar de águas transparentes atrai turistas à Praia de Porto de Galinhas, localizada na cidade de Ipojuca, a uma hora de Recife, em Pernambuco. Realmente, é uma atração obrigatória no roteiro.

As piscinas naturais se formam na maré baixa, quando a água do mar fica represada nos arrecifes por algumas horas. A questão é que a cada dia elas aparecem em um horário diferente.

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Passeio de jangada é o mais tradicional para ver as piscinas naturais de Porto de Galinhas (Foto: Passaporte Digital)

Em Porto de Galinhas, as piscinas naturais mais famosas e visitadas ficam na praia do centrinho.

Confira mais fotos e vídeos da nossa experiência nas piscinas naturais de Porto de Galinhas em nosso Instagram aqui ou veja o vídeo completo abaixo. Continue lendo o artigo para saber mais sobre preços, atrações extras e como chegar.

 

 

COMO IR ÀS PISCINAS NATURAIS DE PORTO DE GALINHAS?

 

O jeito mais utilizado para chegar às piscinas naturais de Porto de Galinhas é pelo tradicional passeio de jangada, embora, em algumas delas, também seja possível chegar caminhando pela água mesmo, dependendo da maré.

Por isso, o ponto de partida para ocorrer o passeio às piscinas naturais é a maré. É necessário que você verifique o dia e horário em que a tábua de maré esteja com nível menor que 0.4. Quanto menor, melhor para a formação das piscinas.

LEIA MAIS: Como consultar a tábua de maré em Porto de Galinhas

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Neste dia, a maré estava no limite de 0.4, o máximo ideal para formação das piscinas naturais (Foto: Passaporte Digital)

Verificando o melhor dia e horário, é só chegar à Praia de Porto de Galinhas com antecedência. Recomendo chegar duas horas antes, para dar tempo de comprar o passeio de jangada até as piscinas naturais com tranquilidade.

O ideal é calcular para chegar à piscina natural no momento em que a maré estiver no ponto mais baixo do dia. Dá para aproveitar bem o passeio entre uma hora e meia antes e uma hora e meia depois do nível mínimo da maré baixa, porque a água ainda estará bem límpida.

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Escolha o horário mais próximo da maré mais baixa do dia para o passeio de jangada (Foto: Passaporte Digital)

Lembrando que o passeio de jangada dura, em média, 40 minutos, passando por algumas piscinas naturais, sendo a mais famosa delas a que tem formato do mapa do Brasil. Você pode comprar o tíquete na Associação de Jangadeiros de Porto de Galinhas. Na praia, também há jangadeiros e empresas de turismo oferecendo o serviço.

Dica da Alê: uma vez em cima dos arrecifes, tome muito cuidado com os pés, porque machuca mesmo. Se possível, vá com aquelas meias emborrachadas ou chinelos.

Vale lembrar que existem alguns pontos de piscinas naturais acessíveis a pé ou nadando. Mas considero a experiência de passear de jangada bem gostosa. Caso decida ir caminhando pela água, recomendo ir com pessoas que conheçam o local, para não se arriscar, ou acessar somente aquelas mais próximas da faixa de areia.

 

QUANTO CUSTA O PASSEIO ÀS PISCINAS NATURAIS?

 

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Passeio de jangada custa R$ 40 por pessoa em Porto de Galinhas (Foto: Passaporte Digital)

Existem pelo menos dois tipos de passeio de jangada. O tradicional é que te leva até as principais piscinas naturais em um passeio de aproximadamente 40 minutos. Geralmente, são três ou quatro pontos de parada, alguns liberados para banho. O local mais famoso é a piscina natural em formato de mapa do Brasil.

A segunda opção de passeio de jangada é o que inclui o mergulho de cilindro. Neste caso, você não visita várias piscinas naturais, mas sim para em um dos pontos de apoio no mar, coloca os equipamentos, recebe as instruções e faz a imersão.

Como já havia feito o passeio tradicional em Porto de Galinhas antes, decidimos fazer a atração que incluía o mergulho. Aliás, foi minha primeira vez na atividade.

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Fiz o combo: passeio de jangada com mergulho de cilindro em Porto de Galinhas (Foto: Passaporte Digital)

Achei que compensou bastante, porque o passeio de jangada tradicional custa R$ 40 por pessoa, e eu paguei R$ 75 no que incluía o mergulho, já com a locação dos equipamentos. Valeu a pena! Foi delicioso e muito diferente.

O ingresso para o passeio de jangada é tabelado e pode ser comprado na Associação dos Jangadeiros, em frente à Praça Central da praia de Porto de Galinhas. Já o tour com mergulho eu comprei na praia mesmo, com uma empresa de turismo local.

 

Preços: passeio de jangada às piscinas naturais de Porto de Galinhas

  • R$ 40 (acima de 13 anos)
  • R$ 20 (criança de 4 a 12 anos)
  • Gratuita para criança até 3 anos
  • Passeio de jangada + mergulho com cilindro: a partir de R$ 75 por pessoa

 

QUAL A MELHOR MARÉ EM PORTO DE GALINHAS?

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Maré ideal em Porto de Galinhas é de até 0.4 (Foto: Passaporte Digital)

Para fazer o passeio às piscinas naturais, o ideal é que a maré esteja abaixo de 0.4 (quanto mais próximo de 0.0, melhor). Da última vez que estive em Porto de Galinhas, peguei 0,4, no limite. Não estava tão visível o mapa do Brasil como na primeira vez que estive lá, mas deu para aproveitar bem.
Dica da Alê: para não correr o risco de pegar maré alta e não ter piscinas naturais, consulte a tábua de maré uns dez dias antes da viagem e verifique o dia em que o tempo estará firme e com maré abaixo de 0.4, para não correr o risco de deixar para o último dia e não ter piscina para curtir.

QUAL A ÉPOCA DE MARÉ BAIXA EM PORTO DE GALINHAS?

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Passeio às piscinas naturais valem muito mais nos dias e horários de maré baixa (Foto: Passaporte Digital)

Nem sempre é possível visitar um ponto turístico em sua melhor época. No caso de Porto de Galinhas, se puder ir de outubro a fevereiro, melhor, porque há pouco risco de chuva e as águas ficam bem mais transparentes.

Eu estive em Porto de Galinhas nas férias das crianças, final de julho, e dei sorte de pegar tempo bom, com dois dias de chuva passageira pela manhã. Nos últimos dias de viagem, já em agosto, notei que começou a ventar mais forte, mas nada que atrapalhasse a viagem.

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Piscina natural em formato de mapa do Brasil em dia de maré não muito baixa (Foto: Passaporte Digital)

Sobre as piscinas naturais, eu peguei somente um dia de maré apropriada, com 0.4. Nos demais dias, a maré estava mais alta. Então, programe seu passeio no dia que a maré estiver a menor possível.

Dica da Alê: caso a maré esteja acima dos 0.4, avalie se vale a pena fazer o passeio ou deixar para um outra ocasião, pois não é a mesma experiência.

 

COMO É O MERGULHO DE CILINDRO NAS PISCINAS NATURAIS?

 

Como eu nunca tinha tido a experiência de mergulhar com cilindro, quis fazer algo novo e aproveitei a visita a Porto de Galinhas quando me ofereceram o pacote casadinho: passeio de jangada e mergulho.

Confesso que tive um pouco de dificuldade com a respiração no início, mas depois me adaptei. O instrutor faz um breve treinamento, e o mergulho é bem superficial para quem está iniciando. O passeio durou cerca de 20 minutos, e eles fornecem o equipamento.

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Valeu a experiência de mergulhar com cilindro nas piscinas naturais de Porto de Galinhas (Foto: Passaporte Digital)

Enquanto parte dos adultos mergulhavam, as crianças ficaram curtindo o mar com snorkel, uma delícia. Depois nadamos até a piscina natural mais próxima e ficamos uns 10 minutos por ali, curtindo os peixes.

Achei que a experiência valeu a pena porque eu já tinha feito o passeio tradicional antes.

 

QUANTO TEMPO DURA O PASSEIO ÀS PISCINAS NATURAIS DE PORTO DE GALINHAS?

 

O trajeto até as piscinas naturais de Porto de Galinhas é bem rápido, pois não é muito distante da faixa de areia. Depois, o tempo médio do passeio é de 30 minutos a 1 hora, dependendo do jangadeiro e do número de turistas.

 

FOTÓGRAFO PISCINAS NATURAIS EM PORTO DE GALINHAS

 

piscinas-naturais-porto-de-galinhas

Você pode contratar fotos para registrar esse momento nas piscinas naturais (Foto: Passaporte Digital)

Eu também aproveitei para fazer umas fotos superlegais nas piscinas naturais de Porto de Galinhas. No meu caso, fiz com o Ricardo Fotograffias (veja o insta dele aqui), que utiliza dome e gopro para dar o efeito meio subaquático. Os preços variam a partir de R$ 100 o pacote.

Alguns jangadeiros e as empresas de mergulho também oferecem a inclusão de fotografias no pacote.

 

Espero que você tenha gostado da minha dica de hoje. Acompanhe também nossas viagens pelas redes sociais e até a próxima!

Instagram | YouTube | Facebook | Pinterest

 

Mais sobre Porto de Galinhas

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Alessandra Oggioni, Autora do Passaporte Digital

• Prazer, Alê •

Jornalista e mãe de 2, me sinto completa quando estou pelo mundo. Depois de 10 anos escrevendo para jornais e sites de turismo, trago aqui no blog aquele pitaco certeiro que vai fazer toda a diferença na sua viagem! Bora carimbar seu passaporte comigo? Me segue nas redes sociais para não perder nada!

• Vem Comigo •

• Procure no blog •

• Newsletter •

Deixe seu email e receba dicas de
viagem e promoções

• Meus Guias •

• Reserve no Blog •