5 motivos para viajar para Zurique, na Suíça

zurique_suíça
Vale a pena colocar no roteiro a encantadora Zurique (foto: HebiFot/Pixabay)

Quem gosta de sofisticação e natureza exuberante certamente terá Zurique, na Suíça, como destino certeiro. Cercada por montanhas de picos nevados, a cidade tem um charmoso centro antigo que tem como ponto de destaque o rio Limmat. Para não perder nada, listamos 5 motivos para programar sua viagem para lá.

Antes disso, vale lembrar que a melhor época para visitar Zurique é entre setembro e outubro, quando o tempo ainda está agradável e fora da temporada de pico na Europa (julho e agosto). Se quer curtir férias de inverno, janeiro a março é um boa pedida.

Ah, mais uma dica: ao chegar em Zurique, compre o ZürichCard, um cartão que oferece descontos em lojas, restaurantes e museus. Esta é uma ótima maneira de economizar, já que também oferece acesso livre a toda rede de transporte local e na região. Tem as versões de 24 horas ou 72 horas. Veja mais neste link aqui.

zurique_neve
Melhor época para ir a Zurique é entre setembro e outubro ou janeiro a março, no inverno (foto: Nadine Slawik/Pixabay)

1. Localização privilegiada
Como a Suíça faz fronteira com diversos países, como Alemanha, França e Itália, dá para incluir Zurique no roteiro conjugado com outros lugares da Europa. Trajetos como Paris-Zurique em trens de alta velocidade são boas opções de acesso.

2. Riqueza cultural
Entre as inúmeras opções de entretenimento, Zurique reserva mais de 50 museus e 100 galerias de arte. Gosta de cultura? Está no lugar certo. Um dos mais famosos é o museu Kunsthaus, com obras do século 15.

LEIA MAIS: Interlaken é opção charmosa na Suíça

3. Boa gastronomia
Com mais de 2 mil estabelecimentos gastronômicos, um dos melhores lugares para comer bem em Zurique é o bairro Zürich-West. O local, que foi berço da revolução industrial do país, é repleto de restaurantes, lojas bacanas e cafés. Não deixe de experimentar fondues, raclettes, batatas rosti, vinhos e, claro, chocolates.

zurique_suica
É muito fácil andar de transporte público em Zurique (foto: BigFoto)

4. Receber parte de seu dinheiro de volta
Turistas em visita a Zurique (e a qualquer parte da Suíça) podem restituir 8% do VAT (imposto sobre mercadorias) se gastarem mais de 400 francos suíços em uma mesma loja no mesmo dia. Para mais informações, clique aqui. Ah, vale lembrar que muitas lojas aceitam euros, mas fazem a conversão cambial no momento da compra.

5. Explorar os arredores
Se quiser continuar conhecendo as belezas da Suíça, a dica é aproveitar excursões pelos arredores, como ao Monte Titlis, ao Jungfraujoch e às Cataratas do Rio Reno, a maior queda d’água da Europa. Uma boa dica é pegar os trens de alta velocidade (conhecidos como TGV Lyria). Assim fica fácil chegar a Berna e a Interlaken, por exemplo.

CONTINUE LENDO:
Conheça as belezas de Lucerna, na Suíça
Roteiro de Viena, na Áustria
O que fazer em Berlim, na Alemanha

2 Comentários

Deixe um comentário